ivc.png

Vendas de Natal cresceram 3,55% em Santa Catarina

Este foi o melhor resultado registrado desde 2011, segundo lojistas. Ticket médio para as compras no Estado foi de R$ 191,36

Rede Catarinense de Notícias
Foto: Murici Balbinot

A expectativa pela recuperação da economia fez com que o catarinense fosse às compras de Natal otimista com cenário mais positivo a partir de 2019. Esta é a avaliação da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC) a partir do levantamento realizado junto a associados e de consultas ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC/SC). O resultado é que houve crescimento de 3,55% nas vendas para o Natal deste ano ante o mesmo período de 2017. O dado é o melhor resultado desde 2011.

Nacionalmente, de acordo com o SPC Brasil, o cenário foi semelhante, com crescimento de 2,66% no comparativo com o ano anterior. Ainda de acordo com os dados nacionais, este é o segundo ano consecutivo de alta - em 2017 o registro foi de 2,13% e sinaliza a recuperação do otimismo só visto até 2013, quando houve 3,62% de incremento. Os números do SPC Brasil se baseiam no total de consultas feitas no período.

Em Santa Catarina, o levantamento mostra que os itens mais procurados foram no segmento de vestuário e calçados (grupo com 41,58% da preferência dos consumidores). As compras a prazo lideraram, com o cartão de crédito sendo a escolha de 51,1% dos compradores. O tíquete médio do catarinense foi de R$ 191,36.

Como análise de cenário, também foi incluído o questionamento sobre expectativas para a economia em 2019, com ampla maioria (87,59%) apostando em melhorias. Porém, para o empresário Ivan Tauffer, presidente da FCDL/SC, persistem dois gargalos para a expansão do varejo - o desemprego e o endividamento familiar. Em razão destes indicadores, o otimismo ainda tem o tom da cautela.






correiootaciliense




Logo_CO_rodape.png
IVC.jpeg

Endereço: Rua Aristeu Andrioli, 592 - B. Pinheiros - Otacílio Costa - SC
Email: correiootaciliense@gmail.com
Telefone: (49) 3275 0857

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio Otaciliense