ivc.png

Festival de Carnes veio para ficar no Calendário Regional de Eventos da Amures

Evento acontece no dia 09 de dezembro no Parque de Exposições José Maria Batista, em Palmeira.

Oneris Lopes por CO
Foto: Oneris Lopes / Amures

Pratos como lasanha a base de carne de cordeiro, costela desossada recheada com legumes, arroz de carreteiro, vários tipos de linguiças, frescal, hambúrguer e cortes nobres que vai de carré a lombo. Para quem gosta, isso é mais que um prato cheio. E poderá ser encontrado no 2° Festival de Carnes da Serra Catarinense que acontece dia 9 de dezembro, no parque de Exposições José Maria Batista, em Palmeira.

Junto com os pratos de cordeiro, carnes não menos nobres de bovinos de raças britânicas serão servidas em pratos onde o destaque serão porções maturadas de carne marmorizada de alto padrão devido ao processo de produção e trato animal. Isso é o que foi mostrado na noite desta sexta-feira (09), no lançamento do Festival de Carnes, na Praça de Eventos do Lages Garden Shopping, onde se realizou também o Festival de Cervejas Artesanais.

Cerca de 50 quilos de carnes de cordeiro e bovinos foram degustados pelos convidados entre jornalistas, autoridades e público em geral. "Superou todas as expectativas o lançamento, tanto pela quantidade de pessoas que prestigiaram o evento quanto pela oferta de pratos que teremos no festival", declarou a prefeita de Palmeira Fernanda Córdova.

O Festival de Carnes é resultado da união de forças da pecuária de corte e de criadores de ovinos que buscavam fortalecer as respectivas atividades. Só da Associação dos Criadores de Ovinos de Palmeira - ACOP, são 22 associados que respondem por um rebanho de quase 500 ovinos com aptidão para produção de carne. 

Da Associação Palmeirense de Pecuária de Corte - APPEC, cerca de 40 propriedades produzem terneiros com cruzamento de raças britânicas com um planejamento amparado em linhas de trabalho como a melhoria da alimentação, infraestrutura, manejo sanitário, melhoria de solo e dentre outros, melhoramento genético e reprodutivo.

A partir de 2019, o Festival de Carnes entra para o Calendário Regional de Eventos da Amures como um dos grandes atrativos turísticos e gastronômicos da Região Serrana. Prestigiaram o evento no shopping a deputada federal Carmen Zanotto, o deputado estadual eleito Marcius Machado, o presidente da Câmara de Vereadores de Palmeira Ronaldo Vieira de Jesus e, dentre outras autoridades, o gerente regional da Epagri Omar Neuwald.


Projeto propõe a "Organização para produção de Carnes de Qualidade"

Numa parceria entre prefeitura e Epagri, desde 2011 vem sendo realizado um planejamento focando a pecuária de corte como alicerce no desenvolvimento do setor agropecuário de Palmeira. O município é o menor em extensão territorial na região da Amures. Mas isso, não desmotivou os produtores que viram na pecuária e na ovinocultura uma forma de incrementar a renda com a produção de gado e cordeiros. 

E focado nesse objetivo se iniciou em Palmeira, um projeto de melhoria do sistema produtivo voltado a qualificar a produção de terneiros e carne bovina. Paralelo ao projeto de fomento da pecuária, em 2013 foi realizado o mesmo processo de organização e assistência para fortalecer e ampliar a ovinocultura, visto que o município possui uma planta frigorífica com capacidade de abate de 22 mil animais por ano. 

Desde então, o projeto de fomento da ovinocultura cresceu e se direcionou para uma aliança mercadológica onde o frigorífico presta o serviço e o produtor vende a carne no mercado consumidor. 

E foi trabalhando com terneiros com aptidão para carne de raças britânicas como Angus, Hereford, Devon e cruzamentos Braford e Brangus que Palmeira impulsionou a agropecuária. Nessa esteira foram criadas a Associação Palmeirense de Pecuária de Corte - APPEC e a Associação dos Criadores de Ovinos de Palmeira - ACOP. Ambas como objetivo de promover o desenvolvimento integrado e firmar parcerias para qualificar o produtor e os rebanhos, aumentando assim a renda nas propriedades.


Referência de organização

Palmeira tem ao menos 40 famílias, associadas a Appec trabalhando na produção de terneiros com cruzamento de raças britânicas. Na ovinocultura são mais 22 famílias associadas à Acop que produzem e comercializam carnes ovinas aos estabelecimentos da região.

Um dos projetos para consolidação da atividade é a construção de uma cancha de arremates para realização de feiras de venda de gado e ovinos, o que representará um novo patamar para mostrar e negociar os animais de forma organizada.

Palmeira já é citada como referência em Santa Catarina na produção de bovinos e ovinos de qualidade e parte desse trabalho foi apresentado em rede nacional através do canal Terra Viva. O vídeo está disponível no site da Epagri/Youtube. Este ano o município receberá também, duas excursões de produtores e jovens rurais que querem conhecer esse trabalho que vem sendo realizado entre a pecuária e ovinocultura.

Imagens

Foto: Oneris Lopes / Amures
Foto: Oneris Lopes / Amures
Foto: Oneris Lopes / Amures
Foto: Oneris Lopes / Amures
Foto: Oneris Lopes / Amures
Foto: Oneris Lopes / Amures



correiootaciliense




Logo_CO_rodape.png
IVC.jpeg

Endereço: Rua Aristeu Andrioli, 592 - B. Pinheiros - Otacílio Costa - SC
Email: correiootaciliense@gmail.com
Telefone: (49) 3275 0857

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio Otaciliense