ivc.png

LAGES

Saúde reforça cuidados para evitar doenças respiratórias no inverno

05 Julho 2018 09:52:00

Mesmo quem fez a vacina da gripe não pode se descuidar. É necessário manter a etiqueta da tosse, lavar as mãos com água e sabão e usar álcool gel.

Assessoria PML por CO
Foto: Keltryn Wendland
Saúde reforça cuidados para evitar doenças respiratórias no inverno.

Gripes e resfriados são doenças respiratórias muito frequentes no inverno. Se não é possível controlar as mudanças climáticas, nem mesmo evitar o contato com os vírus e bactérias que circulam livremente no ar, é necessário redobrar os cuidados de prevenção. A Vigilância Epidemiológica, da Secretaria de Lages, durante a campanha de vacinação contra a gripe (à qual estão incluídos três tipos de vírus - H1N1, H3N2 e Influenza B), realizada entre os dias 23 de abril e 8 de junho, imunizou cerca de 80% das pessoas que compõem os grupos prioritários. 

De acordo com a coordenadora da Vigilância, Sumaya Pucci, crianças de seis meses a menores de cinco anos, que receberam apenas a primeira dose durante a campanha deste ano, deverão comparecer nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e na Central de Vacinação com a carteira de vacinação, para receber a segunda dose. 

Em Lages, de acordo com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica Estadual (Dive/SC), neste ano foi registrado até o momento um único caso de Influenza A (H3N2), através da análise do Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen/SC). A análise e confirmação dos casos são de pacientes internados que atendam a definição de caso de Síndrome Respiratória Aguda grave (SRAG), definido como indivíduo de qualquer idade, internado com Síndrome Gripal, e que apresente dispneia ou saturação de O2 < 95% ou desconforto respiratório. 

Pacientes que apresentem esse quadro, tanto em hospitais públicos quanto privados, devem ser notificados e a amostra deve ser encaminhada para o Lacen. Quanto aos casos de Síndrome Gripal, o paciente precisa ser atendido em Unidade de Saúde (pública ou privada) para avaliação médica e, caso não haja indicação de internação, não deve ser feita a notificação e nem a coleta de amostras para exame pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina. 

O médico Fernando Steffen Antunes, pediatra da Policlínica Municipal, explica que mesmo as pessoas que foram imunizadas devem manter cuidados, como evitar ambientes fechados, fazer a higienização constante das mãos com álcool gel, manter a etiqueta da tosse e ingerir líquido constantemente. "Mesmo porque a vacina protege somente contra três tipos de vírus, mas existem muitos outros sorotipos que ela não protege. Portanto, o cuidado deve ser o mesmo tanto para quem recebeu a vacina, quanto para quem não recebeu", adverte o médico Fernando. Segundo ele, a diferença é que a vacina tem o objetivo de imunizar aqueles que correm mais riscos de complicações, como gestantes, crianças e idosos. Já as demais pessoas que não compõem o grupo possuem menos probabilidades de ter complicações por quadros virais. 

O médico explica que, "como todo vírus tem um ciclo, o tratamento dependerá do quadro sintomático. Se o paciente apresentar dificuldades respiratórias, febre de difícil controle ou desidratação, ele deverá ser encaminhado para atendimento hospitalar e averiguação". Destaca ainda que fatores como o sistema imunológico, hábitos de vida, higiene e a ventilação dos ambientes influenciam o contágio e a propagação do vírus. "Quando surgiram os primeiros casos de gripe as pessoas tomavam mais cuidados como proteger a tosse com o antebraço e que agora foram esquecidos, como higienização das mãos com água, sabão e álcool gel. É uma questão de bons hábitos e que não podem ser abandonados. É uma responsabilidade de cada um", alerta. 

Secretaria Odila vai às escolas para tranquilizar pais e alunos

Nesta quarta-feira (4 de julho), a secretária de Saúde de Lages, Odila Waldrich, visitou duas escolas da rede particular de ensino do município, com o propósito de esclarecer eventuais dúvidas dos gestores das unidades. "Queremos tranquilizar a todos, pois estamos atentos aos casos de gripe que são muito comuns neste período, mas não existe epidemia de nenhum vírus da gripe na nossa cidade", afirmou Odila durante a conversa com o diretor geral do Colégio Santa Rosa, Leocir Oldra. Ele falou sobre as campanhas e ações internas com os mais de 1.400 alunos para prevenir a disseminação do vírus na escola. 

Com o mesmo propósito de esclarecer e tranquilizar a comunidade discente, a secretária conversou com o gestor do Colégio Bom Jesus, Márcio Batista de Souza, e com a gestora pedagógica, Samara Formolo de Souza. A unidade, que possui suporte médico, através da Unidade situada em Curitiba, realiza um acompanhamento individual dos casos relatados de gripe. "Desde março estamos enviando informativos para os alunos alertando para os cuidados contra a gripe e importância da vacinação, além do reforço de ações de limpeza e higienização", afirmou Márcio. 

Vigilância Epidemiológica adverte sobre testes rápidos imunológicos

Em relação aos testes rápidos imunocromatográficos, realizados por clínicas particulares para diagnóstico de Influenza em pacientes com quadro de Síndrome Gripal, a Diretoria da Vigilância Epidemiológica Estadual (Dive) adverte que esses casos não são notificados pelo sistema de vigilância, pois não se enquadram na definição de caso de SRAG Hospitalizado, e por isso não aparecem nos informes epidemiológicos divulgados pela Dive/SC. O teste utilizado pelo Lacen/SC, por recomendação do Ministério da Saúde (MS), adota metodologia de biologia molecular (PCR), sendo aplicado nas situações já descritas. 

Em nota, a Dive explica que a rede pública de saúde não adota o uso de testes rápidos imunocromatográficos para diagnóstico de Influenza, tendo em vista sua baixa sensibilidade e especificidade, que pode gerar tanto resultados falso-positivos quanto falso-negativos. Esta conduta pode servir para a promoção do uso inadequado do antiviral específico, seja pelo uso excessivo sem necessidade, ou mesmo pelo seu não uso, ignorando a orientação do manual de manejo clínico de Influenza do Ministério da Saúde.



Leia Mais


02 Maio 2019 15:06:00

A Campanha de Vacinação começou no dia 10 de abril.

Autor: Assessoria de Imprensa por CO

15 Abril 2019 16:20:00


05 Abril 2019 14:51:00

Autor: Elaine Leal

27 Março 2019 15:28:00

Oportunidade para motoristas verificar a saúde

Autor: Robson Ribeiro/ CO

26 Março 2019 16:42:00

Autor: Dagmara Spautz - Diário Catarinense

14 Fevereiro 2019 12:03:00

Autor: Elaine Leal

07 Fevereiro 2019 10:56:00

Autor: Elaine Leal

14 Janeiro 2019 15:57:00
SAÚDE

Direito existente há quase 20 anos é pouco conhecido pela falta de propagação da informação

Autor: Rede Catarinense de Notícias com informações da Agência AL.

11 Janeiro 2019 09:04:54

Autor: Robson Ribeiro/ CO

18 Dezembro 2018 11:15:00
MAIS MÉDICOS

Otacílio Costa tem um médico contratado até que chegue um profissional do Programa.

Autor: Elaine Leal

22 Novembro 2018 09:47:00
NOVEMBRO AZUL

Atividades serão realizadas para conscientizar sobre prevenção e combate ao câncer de próstata.

Autor: Elaine Leal

16 Novembro 2018 19:23:00

Autor: EBC por CO

08 Novembro 2018 10:30:00
LAGES

A ação acontecerá neste domingo, 11, das 14h às 17h e será alusiva tanto ao Novembro Azul, quanto ao Dia Mundial do Diabetes

Autor: Assessoria de Imprensa por CO

22 Outubro 2018 16:44:00

Sábado, 27, será o dia 'D', as Unidades Básicas de Saúde ficarão abertas durante todo o dia.

Autor: Elaine Leal/CO

19 Setembro 2018 15:25:00

Otacílio Costa fará uma caminhada no dia 27; Palmeira, uma Roda de Conversa no dia 25.

Autor: Elaine Leal/ CO

18 Setembro 2018 11:33:00

Confira as ações de prevenção em Otacílio Costa, Palmeira e Lages.

Autor: Elaine Leal/ CO

14 Setembro 2018 16:46:00
CASO DE CHIKUNGUNYA

Paciente esteve em viagem no Rio de Janeiro, onde contraiu a doença. Não há perigo de transmissão na cidade.

Autor: Elaine Leal/ CO

14 Setembro 2018 10:53:00
VACINAÇÃO

No Brasil, crianças abaixo de 1 ano de idade ainda tem cobertura de apenas 85,45%. Em Otacílio Costa mais de mil crianças foram imunizadas.

Autor: EBC por CO

05 Setembro 2018 10:20:00
VACINAÇÃO

A média de cobertura alcançada por Santa Catarina foi mais de 103%.

Autor: Assessoria por CO

24 Agosto 2018 14:42:00

Autor: Elaine Leal/ CO






correiootaciliense




Logo_CO_rodape.png
IVC.jpeg

Endereço: Rua Aristeu Andrioli, 592 - B. Pinheiros - Otacílio Costa - SC
Email: correiootaciliense@gmail.com
Telefone: (49) 3275 0857

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio Otaciliense