Siga-nos nas Redes Sociais:




GENTE DA GENTE

O DJ da família otaciliense

Foi no embalo de muitas canções tocadas por ele que muitas famílias otacilienses se formaram na antiga Chariola

Alisson Magalhães / CO

Um dos mais ilustres e conhecidos servidores de Otacílio Costa, que atua no serviço público desde 1985, quando o primeiro prefeito ainda estava no exercício do mandato, o otaciliense Paulo Gilberto de Jesus, 55 anos, popular Nego Paulo, tem, em sua história de vida, outros feitos além do bom trabalho prestado ao município. Foi dele a trilha sonora que embalou corações e fez com que muitos casais otacilienses se conhecessem, formando suas famílias, nos tempos da Chariola.

"Nós éramos quatro ali: era eu, Domai, Sérgio e o Nene, que também cuidava do som. Foi meados de 1983 para cá. Funcionava sábado e domingo à tarde. Era o ponto da galera. Na época era vinil. Toda vida gostei da música. Meu hobby é música, então daí comecei a cuidar do som, já por gostar da música e fiquei por vários anos lá, teve grandes promoções. Era onde o pessoal frequentava", relembra.

O DJ da Chariola

Foi ali, onde hoje funciona a Academia Young Life, no bairro Fátima, que a famosa discoteca funcionava e, ao som de Cindy Lauper, Tina Turner, Bee Gees e bandas de rock nacional, que o DJ Nego Paulo embalava os corações dos otacilienses. Na discoteca, além dos casais que se formaram, alguns causos também animavam os presentes. "Terminava a discoteca e a gente fechava, no outro dia voltava o pessoal da limpeza, para limpar, porque às duas horas a gente retomava, e eu ia lá limpar a cabine de som, deixava tudo pronto para a programação da tarde. Um dia esquecemos um dormindo lá dentro. Chegamos para limpar, o cara ficou de sábado para domingo, na mesma posição, uma pessoa bem conhecida: Marcos Debarba. Bateu uma depressão e o homem foi até o outro dia", contou, aos risos.

Além de DJ, Nego Paulo também atuou no esporte. Como meio-campo, foi camisa 10 e capitão do time do Poço Rico, a partir de um convite do técnico Bidão, a quem ele fez questão de reconhecer. "Se ainda tem alguma coisa de esporte aqui em Otacílio, agradeça ao Bidi. Até hoje ele incentiva", reconhece. No salão ele foi campeão municipal pelo Pinheiros e integrou um time que tem vários campeonatos no curriculum. "Tudo que aparecia de campeonato nós ganhávamos", lembra.

Uma testemunha privilegiada da história da cidade

Na vida profissional, as funções de Paulo, que sempre atuou lotado na Secretaria de Planejamento do município, fizeram dele uma testemunha privilegiada da história do desenvolvimento da cidade, pois presenciou tudo por trás das cortinas dos bastidores, e fala, com conhecimento de causa, sobre o esforço de cada mandatário que passou pelo executivo otaciliense. "Tive o privilégio de trabalhar com todos os prefeitos, e até hoje no mesmo cargo, independente dos partidos. Todo prefeito que entra tenta dar o seu melhor. Disposto a dar o melhor de si. Todo prefeito que eu trabalhei teve sua participação para o município ser, hoje, o que ele é", testemunha.

Com um olhar apurado de quem acompanhou a história por dentro, Nego Paulo aponta que as necessidades do município vão além da geração de empregos. "Muitos prefeitos têm uma visão de colocar empresa, buscar empresa, eu já vejo um pouco diferente. Eu vejo que tem que investir em mão de obra. Na minha visão, não tem mão de obra. Tem que qualificar melhor para, depois, buscar essas empresas. Nós somos carentes de mão de obra no sistema madeireiro. As empresas da cidade, por exemplo, estão constantemente abrindo vagas", analisa.

Com 38 anos de serviço público, Nego Paulo se diz privilegiado e muito grato por tudo que construiu e conquistou na vida. "Eu encontrei meu casamento na prefeitura. Minha esposa fez o concurso em 1990 e veio trabalhar comigo. Eu já tinha aquele jeito mimoso, começamos a namorar e casamos em 97. Só tenho que agradecer ao município", finalizou um feliz e sorridente Nego Paulo.




correiootaciliense


Logo_CO_rodape.png

Endereço: Rua Aristeu Andrioli, 592 - B. Pinheiros - Otacílio Costa - SC
Email: correiootaciliense@gmail.com
Telefone: (49) 3275 0857

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio Otaciliense