Siga-nos nas Redes Sociais:

CASO NIQUELATE

STF concede prisão domiciliar a Márcio Niquelate

Decisão do ministro Alexandre de Moraes saiu nesta sexta-feira, 22.

Redação CO

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, relator do inquérito 4879/DF, que investiga a realização de Atos Antidemocráticos, acolheu, na tarde desta sexta-feira, 22, o pedido de revogação da prisão preventiva do professor Márcio Giovani Niquelate, o professor Marcinho, impetrado na corte pelos advogados de defesa, Silvano Antunes e Silvano Willian Antunes. 

Em despacho, o ministro converteu a prisão preventiva do otaciliense em prisão domiciliar. Niquelate deixa o presídio regional de Lages 47 dias após ter sido preso, em 05 de setembro, em virtude de participação numa live. Ele deverá permanecer recolhido, em casa, à disposição da justiça.

Confira a nota da defesa na íntegra:

Nota Pública. 
Os advogados Silvano Willian Antunes e Silvano Cardoso Antunes do escritório Antunes Advocacia comunicam que o Ministro Alexandre de Moraes, relator do Inquérito dos Atos Antidemocráticos 4879/DF, acolheu pedido de revogação da prisão preventiva feito pela defesa, concedendo prisão domiciliar de Márcio Giovani Niquelate, (professor Marcinho) que segue nesse momento para sua casa.






WhatsApp Image 2021-04-26 at 08.59.40.jpeg

16133910719710.jpeg

correiootaciliense


Logo_CO_rodape.png
IVC.jpeg

Endereço: Rua Aristeu Andrioli, 592 - B. Pinheiros - Otacílio Costa - SC
Email: correiootaciliense@gmail.com
Telefone: (49) 3275 0857

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio Otaciliense